19 maio, 2017

Não demores

Não demores muito onde o coração diz que não é pra estar;
Esteja onde deseja estar, com quem quer estar, da forma como é.

08 maio, 2017

As dez sensações de um vinho bom

Primeira sensação:
Um dia comum, um vinho bom guardado, uma vontade de tomar...um pensamento "não, guarda pra uma ocasião especial.

Segunda sensação:
O mesmo dia comum, horas depois. Sensação de que é preciso tomar o vinho, afinal, todo dia é um dia especial. Mereço. Pego um pão.

Terceira sensação: Como é difícil (mesmo), usar o saca rolhas que nunca foi usado. Falta força, jeito, jeito e força.

Quarta sensação: Que raiva da droga da rolha que não sai nem com reza!!

Quinta sensação: Continua a luta, entra o alicate também, pra tirar os pedaços da rolha. Depois entra uma faca na jogada, pra empurrar para dentro do vinho, o resto da rolha.

Sexta sensação: Ufa!

Sétima sensação: O vinho bom, agora tem pedaços de rolha nele. Vamos usar uma última arma, a peneira.

Oitava sensação: Pronto! Vinho posto na taça, um pão caseiro...enfim, o momento mega especial chegou!

Nona sensação: O vinho bom, agora sem pedaços de rolha não é tão bom assim...não pro meu pobre paladar. Assim, é bom...mas nem tanto.

Décima sensação: Ainda bem que eu tentei abrir sozinha essa rolha entalada...e viva pros momentos especiais nas segundas feiras, depois de uma organizadinha na mansão e na vida. E viva os vinhos bons, pena que as rolhas são muito duronas.


05 maio, 2017

Inspiração...respiração...transpiração


Se inspire em algo grande, algo maravilhosamente bom! Tenha algo bom sempre em mente, tenha uma perspectiva de sucesso, algo bom, algo amoroso, algo que traga paz.
Respire fundo, mantenha a calma, calmaria, seja manso, de coração, de alma, de voz...
Transpire, faça, inicie, chute pro gol, faça algo e faça agora! Tudo que você pensou já é realidade no universo, se mexa, as coisas já começaram a acontecer e RECEBA, com gratidão tudo aquilo que concretizou. Do universo, um presente pra você!

29 janeiro, 2017

Procurando o brilho no olhar, o coração pulsante e o sorriso sem motivo

O que te faz feliz? De verdade, de coração, de brilho no olho e sorriso sem motivo?
O que você faria de graça, sem pedir nada em troca?
O que sem recompensa te faria bem? 
Aquilo que teu coração diz é muito além do que a cabeça prega. Tudo aquilo que vivemos, as travas que tivemos, as crenças que temos, a sociedade em que vivemos, tudo isso breca nossa vontade de qualquer coisa! Se a vontade é arriscada, se a vontade foge do padrãozinho mixuruca que "temos" que viver, tá errado! Ai jogamos litros de água fria na vontade...ela se vai e continuamos, no fim da fila, esperando uma faísca de felicidade, porque...deixamos escapar o tsunami de felicidade que poderíamos viver, quando a vontadezinha veio com tudo (mas como sempre) você deixou passar porque "era feio", "era cedo demais", "era tarde demais", "era arriscado demais", "era maluco demais". Aprende que a vontade é algo mais grandioso, a vontade é algo como universo, luz, Deus, (ou o que quiser dar o nome), sussurrando pra você: "vaiiiiii que é agora e se joga". Deixe-se ouvir, permita-se ser guiado pela vontade do coração. A mente é traiçoeira, prega peças e é medrosa. A vontade é luz, é verdade, é amor.